14 de agosto de 2017

Resenha - Banda: Pop Javali - Álbum: Resilient (2017)

Resenha por: Renato Sanson


Experiência aliado ao talento latente desse trio paulista fez nascer o ótimo e intenso “Resilient” (3° trabalho de estúdio), que coloca o Pop Javali em outro patamar.

As influencias de Hard e Classic Rock estão todas ali, mas com um peso e agressividade destemida, casando perfeitamente com a proposta sonora do grupo, não deixando sua identidade musical de lado, mas não caindo no marasmo datado.

Nuances de Metal moderno são sacadas logo de cara com a poderosa “Hollow Man”, que surpreende pelos riffs impactantes e a técnica costumeira da banda com uma bateria esmagadora, mas priorizando o peso e momentos mais diretos e raivosos.

“Reasonable” abre espaço para o lado mais melodioso do grupo, mas deixando o peso evidente, o que fez transbordar vida a cada nota destilada; outro ponto forte da bolacha é a diversificada “Renew Our Hopes” com arranjos primorosos que grudam logo de cara, trazendo aquele lado mais acessível da banda mesclando com a nova “cara” mais pesada e direta.

As composições são primorosas e trazem um Pop Javali renovado e ainda mais dinâmico, onde resolveram sair da zona de conforto e recriar o que já estava bom.

Vale mencionar a ótima produção de Andria e Ivan Busic que tiraram o melhor do trio com tudo extremamente bem dosado e a excelente arte gráfica criada por João Duarte que transparece a cada detalhe esse novo-velho Pop Javali.


Links:

Formação:
Marcelo Frizzo - Baixo, vocais
Jaéder Menossi - Guitarras
Loks Rasmussen - Bateria

Tracklist:
1. A New Beginning
2. Hollow Man
3. Drying the Memories
4. Reasonable
5. We Had It Coming
6. Shooting Star
7. Turn Around
8. Broken Leg Horse
9. Undone
10. Show You the Money
11. Resilient
12. Renew Our Hopes




0 comentários:

Postar um comentário

Share

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More